Grão milenar, amplamente conhecido no mundo, o sétimo mais produzido, porém só 18% dessa produção são destinadas para o consumo humano, o restante é produzido para alimentação animal.

Com tantos benefícios esse quadro pode melhorar e muito.
 

O grão da aveia é recheado de motivos para inserirmos o seu consumo na dieta diária:

1 – Controla o colesterol: estudos da Universidade Federal de São Paulo comprovam que o consumo diário do cereal reduz o colesterol entre 5 e 15%.

2 – Coloca o intestino em dia: como é cheio de fibras ajuda no transito intestinal. Além disso, a beta-glucama estimula o crescimento e alimentação dos lactobacilos vivos do trato intestinal, deixando o intestino mais saudável.

3 -Rica em nutrientes: magnésio, zinco, ferro, fósforo, cálcio, vitamina E e do Complexo B.

4 -Diminui a fome: por conter bastante fibra ela forma um gel na parede do estomago e intestino, deixando o organismo saciado por mais tempo.

5 – Faz super bem para sua pele: como é rico silício e proteínas, acaba ajudando na renovação celular, o que deixa a pele mais bonita.

6 -Trás bom humor e mais energia para seu dia: a aveia contém triptofano, um precursor da serotonina, neurotransmissor responsável pelo controle do nosso humor, conhecido como amigo do bem-estar.
Para a conversão de um para o outro, é necessária a ação de uma enzima, que só funciona bem quando os níveis de alguns nutrientes estão adequados, entre eles, o magnésio, encontrado também em boa quantidade no cereal.

Sendo assim, a aveia pode ser uma aliada extra no combate à tristeza e até mesmo da depressão.

Como consumir:

A aveia é muito versátil, vai ao preparo de bolos, pães, biscoitos, granolas, sucos, batidas, barrinhas de cereais, são diversas opções para consumo.

Lembre-se que para ter todos os benefícios apresentados aqui, tem que consumir 30 gramas diárias, o mesmo que 3 colheres de sopa.

Contra-indicações:

Pessoas que não podem consumir glúten, infelizmente não podem consumir aveia, pois ela tem rastros de glúten por ser processada em maquinas que também processam farinha de trigo.

Como contém muita fibra, se você tem irritação intestinal então consuma só com indicação médica.